about merkur slots

8 remédios para azia e queimação

Atualizado em janeiro 2024

Os remédios para azia, como o hidróxido de alumínio ou o omeprazol, ajudam a reduzir os sintomas da azia, como queimação no estômago que pode atingir a garganta, má digestão, sensação de estômago cheio ou arrotos constantes, pois esses remédios agem inibindo a produção de ácido, ou neutralizando a acidez no estômago.

Esses remédios devem ser utilizados somente após indicação do gastroenterologista, pois é importante diagnosticar a causa da azia, especialmente se for frequente, e adequar o tratamento, já que pode indicar problemas mais graves como gastrite ou presença de úlceras no estômago.

Além do uso dos remédios para azia, é importante fazer uma alimentação que ajude a evitar os sintomas, comendo alimentos leves e evitando alimentos industrializados e com alto teor de gorduras e molhos. Veja como deve ser a alimentação para azia.

Imagem ilustrativa número 1

Principais remédios para azia e queimação

Os principais remédios indicados pelo gastroenterologista para o tratamento da azia são:

1. Bicarbonato de sódio

O bicarbonato de sódio é um antiácido que neutraliza rapidamente o ácido do estômago e aliviando temporariamente o desconforto da azia ou sensação de queimação no estômago causados por má digestão, gastrite ou refluxo gastroesofágico, por exemplo.

Esse antiácido deve ser utilizado diluído em água, sendo que a dose normalmente recomendada é de 1 colher (de café) de bicarbonato de sódio em pó, em um copo de água filtrada, tomado 30 minutos antes de uma refeição.

O uso do bicarbonato de sódio não deve ultrapassar 3 colheres de café por dia, podendo ser utilizado no máximo por 2 semanas, pois o uso excessivo pode causar acidez rebote, que é quando o estômago aumenta a produção de ácido por perceber que a acidez diminuiu e, assim, a dor e o desconforto da azia podem piorar. Entenda o que é efeito rebote.

O bicarbonato de sódio não deve ser usado por crianças com menos de 2 anos, mulheres grávidas, ou por pessoas com alcalose, vômitos ou obstrução intestinal.

Receba um tratamento mais completo!

Obtenha orientação especializada sobre o que tomar para se recuperar mais rápido.

Marcar consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.

2. Carbonato de sódio

O carbonato de sódio é outro antiácido e geralmente está associado ao bicarbonato de sódio e ácido cítrico, indicado para aliviar a azia ou sensação de queimação, causados por má digestão.

Esse remédio age neutralizando a acidez do estômago, permitindo o alívio rápido da má digestão, sendo encontrado com o nome comercial Sal de Frutas Eno e não deve ser usado por mais de 14 dias seguidos.

O carbonato de sódio, bicarbonato de sódio e ácido cítrico, é contraindicado para crianças com menos de 12 anos, mulheres grávidas ou por pessoas que tenham pressão alta, problemas cardíacos, no fígado ou nos rins.

3. Hidróxido de alumínio

O hidróxido de alumínio é um antiácido que neutraliza rapidamente a acidez estomacal fazendo com que o estômago seja menos agredido pelo próprio ácido, o que permite aliviar temporariamente o desconforto causado pela azia.

Geralmente, o hidróxido de alumínio está associado a outras substâncias, como hidróxido de magnésio e carbonato de cálcio ou simeticona, encontrado com os nomes comerciais Estomazil, Magnazia ou Mylanta Plus, por exemplo, e não deve ser usado por crianças ou mulheres grávidas.

4. Hidróxido de magnésio

O hidróxido de magnésio é outro antiácido que que ajuda a diminuir a acidez do estômago, e aliviar a azia, sensação de queimação e dor de estômago, causada por má digestão.

Esse remédio pode ser encontrado na forma de suspensão oral, com os nomes comerciais Leite de Magnésia Phillips, Leite de Magnésia Eno ou Leite de Magnésia Magmax, por exemplo. Saiba como usar o leite de magnésia corretamente.

O leite de magnésia não deve ser usado por crianças com menos de 2 anos, mulheres grávidas ou em amamentação, ou por pessoas com doenças renais ou que tenham alergia aos componentes da fórmula.

5. Omeprazol

O omeprazol é um inibidor da bomba de prótons indicado para o tratamento de úlceras no estômago, esofagite de refluxo, gastrite ou refluxo gastroesofágico, por exemplo, pois age inibindo a produção de ácido pelo estômago, aliviando a azia ou a sensação de queimação no estômago.

Esse remédio pode ser encontrado na forma de cápsulas com os nomes Neprazol, Novoprazol ou Gastrium, por exemplo, ou como genérico sob a designação "omeprazol", e deve ser usado com indicação médica, pois as doses e o tempo de tratamento variam de acordo com o problema no estômago a ser tratado. Saiba como tomar o omeprazol corretamente.

O omeprazol não deve ser usado por crianças, mulheres grávidas ou em amamentação, ou por pessoas com problemas graves no fígado ou que tenham alergia ao aos componentes presentes nas cápsulas.

Cuidar da sua saúde nunca foi tão fácil!

Marque uma consulta com nossos Gastroenterologistas e receba o cuidado personalizado que você merece.

Marcar consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.

Foto de uma doutora e um doutor de braços cruzados esperando você para atender

6. Pantoprazol

O pantoprazol é outro inibidor da bomba de prótons que pode ser indicado pelo médico para o tratamento da azia causada por gastrite, refluxo gastroesofágico, esofagite de refluxo, úlceras no estômago ou síndrome de Zollinger-Ellison.

Esse remédio pode ser encontrado na sua forma genérica como “pantoprazol sódico sesqui-hidratado” ou com os nomes comerciais Pantozol, Pantocal, Gázia ou Adipept, por exemplo. Veja como usar o pantoprazol.

O pantoprazol não deve ser usado por crianças com menos de 5 anos, mulheres grávidas ou em amamentação ou por pessoas em tratamento para HIV.

Além do pantoprazol e omeprazol, outros inibidores da bomba de prótons que o médico pode indicar são o lansoprazol, ou esomeprazol, por exemplo.

7. Cimetidina

A cimetidina é um remédio que inibe a produção de histamina ajudando a reduzir a azia e queimação causada por úlceras no estômago ou duodeno, esofagite péptica ou Síndrome de Zollinger-Ellison, pois age inibindo a produção de ácido pelo estômago.

Esse remédio pode ser encontrado na forma de comprimidos como genérico “cimetidina”, e deve ser usado somente com indicação médica. Veja como tomar a cimetidina.

A cimetidina não deve ser usada por crianças com menos de 1 ano, mulheres grávidas ou em amamentação, ou por pessoas que têm crises de asma, doença cardíaca, úlcera gástrica maligna ou que estejam em tratamento com o remédio dofetilida.

Além da cimetidina, outros remédios que inibem a produção da histamina que podem ser indicados pelo médico são a nizatidina ou a famotidina, por exemplo.

8. Fumarato de vonoprazana

O fumarato de vonoprazana é um bloqueador de ácido competitivo de potássio, que inibe a produção de ácido no estômago, indicado para o tratamento de úlcera gástrica, esofagite de refluxo, ajudando a aliviar a azia e queimação no estômago.

As doses normalmente recomendadas desse remédio são de 10 a 20 mg, uma vez por dia, tomado antes ou após uma refeição, pelo tempo de tratamento recomendado pelo médico que pode variar de 4 a 80 semanas.

O fumarato de vonoprazana é encontrado na forma de comprimidos, com o nome comercial Inzelm, vendido em farmácias ou drogarias mediante apresentação de receita médica.

Esse remédio não deve ser usado por menores de 18 anos, mulheres grávidas ou em amamentação ou por pessoas que tenham alergia aos componentes do comprimido.

Opções de remédios caseiros para azia

Alguns remédios caseiros para azia, como o chá de gengibre ou chá de funcho, podem ser usados para aliviar os sintomas da azia, pois ajudam a diminuir a acidez e a proteger a mucosa do estômago, e podem ser tomados gelados no momento em que surgem os primeiros sintomas de queimação na garganta ou de má-digestão.

Os remédios caseiros para azia não substituem o uso de medicamentos indicados pelo médico, porém podem ser usados para complementar o tratamento indicado pelo médico. Veja outras opções de remédios caseiros para azia e como preparar.

Outra dica para aliviar a azia, é chupar um limão puro no momento em que surge a azia porque o limão, apesar de ser ácido, contribui para a diminuição da acidez do estômago. Além disso, comer uma fatia de batata crua pode também ajudar a neutralizar a acidez do estômago, combatendo o desconforto.

Remédios para azia na gravidez

A azia é muito comum durante a gestação, pois a digestão fica mais lenta, produzindo a sensação de estômago cheio e queimação. A melhor forma de tratar a azia é evitar que surja, retirando da alimentação frituras e outros alimentos muito gordurosos e condimentados, por exemplo.

Porém, quando mesmo assim, a azia se torna frequente, é aconselhado consultar o obstetra para iniciar o uso seguro de alguns remédios, como Mylanta Plus ou Leite de magnésia. Veja que outros cuidados se deve ter para tratar a azia na gravidez.

Assista o vídeo seguinte e veja mais dicas sobre como acabar com a azia na gravidez:

youtube image - Como aliviar a AZIA na gravidez
about merkur slots Mapa do site